Sábado, 13 de Maio de 2017

Frases do Facebook - Algumas pessoas tem medo de tantas coisas, que às vezes terminam por acreditar que não têm medo de nada

medo5.jpg

 

Algumas pessoas tem medo de tantas coisas, que às vezes terminam por acreditar que não têm medo de nada

 


publicado por olhar para o mundo às 21:13
link do post | comentar | favorito
|
Sábado, 8 de Abril de 2017

Frases do Facebook - O medo torna-nos estúpidos

medo1.jpg

 

Frases do Facebook - O medo torna-nos estúpidos

 


publicado por olhar para o mundo às 08:13
link do post | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 29 de Março de 2017

Gustavo Santos - O Medo de Magoar os Outros

O Medo de Magoar os Outros

O medo de magoar os outros é uma invenção da nossa mente. É o pior dos dois mundos: nem tu vives em liberdade de expressão, nem os outros sabem o que te passa no coração e na cabeça acerca deles. Já pensaste que a verbalização daquilo que sentes pode ser tudo o que a outra pessoa também sente mas não é capaz de dizer? Já idealizaste que aquilo que sentes pode ser a tomada de consciência que o outro precisa para reforçar aquilo em que já acredita e mudar de comportamento? Já imaginaste que a materialização daquilo que sabes a teu respeito pode ser profundamente inspirador para quem te ouça ou tenha o privilégio de te ver em ação? Quem te diz a ti que empregar as palavras certas, as palavras que carregam a tua verdade, olhos nos olhos do outro não é algo de absolutamente vantajoso para ambas as partes? Quem? E sim, ainda que possa doer um pouco. A verdade dói quase sempre. O crescimento dos dentes também, certo? E no entanto é vital, não é? Assim se passa com a mente. A evolução da mente de mentirosa para potenciadora passa pela dor, por ouvir certas verdades a nosso respeito, aceitá-las se for o caso e depois treiná-la e orientá-la na direção que pretendemos. Agora, viver na ignorância de acreditar que os outros é que estão sempre certos é que é manifestamente ridículo. Somos pessoas, dependemos de nós mas precisamos sempre dos outros e ficar calado não ajuda nada. Matas-te e fazes o outro acreditar que é dono e senhor da razão. Não dá. Não pode ser. A ti foi-te concedida a oportunidade de viver e inspirar, portanto não vamos abdicar nem de uma coisa nem de outra. Vive e inspira. Apaixona-te e passa a palavra. Respeita-te e comunica. De que adianta viver num faz de conta? Faz de conta que o amo. Faz de conta que sou feliz. Faz de conta que gosto do que faço. Faz de conta que gosto dos meus pais. Faz de conta que não sei. Faz de conta que sim. Faz de conta que não. O que é isto? Sim, o que é isto? É ingrato, é sujo, degradante e desumano. É isto que é.

Gustavo Santos, in 'A Força das Palavras'
 
Retirado de Citador

publicado por olhar para o mundo às 09:13
link do post | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 8 de Março de 2017

Frases de Edgar Allan Poe no Facebook - Toda religião, meu amigo, simplesmente evoluiu a partir de uma fraude: o medo, a imaginação, a ganância, e a poesia.

religião edgar.jpg

 

 

"Toda religião, meu amigo, simplesmente evoluiu a partir de uma fraude: o medo, a imaginação, a ganância, e a poesia."

 

Edgar Allan Poe

 

 


publicado por olhar para o mundo às 17:13
link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 27 de Fevereiro de 2017

Frases do Facebook - Não tenha medo da mudança, coisas boas vão para que outras melhores possam vir

mudança4.jpg

 

Não tenha medo da mudança, coisas boas vão para que outras melhores possam vir

 


tags: ,
publicado por olhar para o mundo às 12:13
link do post | comentar | favorito
|
Domingo, 15 de Janeiro de 2017

Frases do Facebook - Não tenhas medo da mudança. Assusta, mas pode ser a chave daquela porta na que tanto almejas entrar

mudança3.jpg

 

Não tenhas medo da mudança. Assusta, mas pode ser a chave daquela porta na que tanto almejas entrar

 


publicado por olhar para o mundo às 08:13
link do post | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 30 de Dezembro de 2016

Frases do Facebook - Que a nossa vontade de ser feliz, seja maior que o nosso medo

serfeliz.jpg

 

Que a nossa vontade de ser feliz, seja maior que o nosso medo

 


publicado por olhar para o mundo às 12:13
link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 12 de Dezembro de 2016

Ana Macarini - Quem nunca teve medo não sabe o que é ter coragem

PERIGO.jpg

 

Quem nunca teve medo não sabe o que é ter coragem

 

Diante do perigo, você corre, pede socorro, paralisa ou lembra que precisa respirar? Quem já se sentiu ameaçado sabe que, muitas vezes, acabamos por agir de formas absolutamente inesperadas. Reagimos. E reagir significa apresentar uma alteração física, psíquica ou comportamental diante de um estímulo.

Reagir é da esfera do semiconsciente. A mais equilibrada das pessoas pode revelar-se furiosa diante de uma afronta; assim como, a mais reativa das pessoas pode perder a voz e até os movimentos diante de uma agressão sofrida. Depende. Tudo depende, da nossa disposição, situação ou disponibilidade de recursos naquele momento.

Não somos seres definidos, como as abelhas ou as formigas que, independente das intempéries ou dos infortúnios, seguem obstinadas no cumprimento de suas missões. Acima das abelhas, há a colmeia; acima das formigas, há o formigueiro. Essas nossas companheiras de jornada no planeta são seres coletivos. Nós, não. O individualismo nos rege e delineia nossa personalidade. Vez em quando, ousamos sair da casca e olhar em volta sem que haja nenhum interesse próprio envolvido. Mas isso é raro. Muito raro.

O que nos falta em generosidade, amor gratuito e empatia, nos sobra em facilidade para dar notas de zero a dez às formas como cada um encontra de lidar com suas mazelas. A dor do outro, essa incompreendida, é um absoluto mistério para nós. Ficamos abismados com as aparentes coragens alheias, porque simplesmente nos falta entendimento, ou disposição para entender que o medo é um atributo tão universal, quanto democrático.

 

Num mundo rico em desigualdades, se há algo que nos iguala é o nosso despreparo para lidar com as coisas que dão errado, com as negações, as frustrações, os não-perdões. No entanto, a inconteste verdade é que, diante do perigo somos todos humanos.

E é preciso muita coragem para admitir que se está com medo. É preciso muita bravura para reconhecer que estamos assustados e passar desse ponto, a ponto de respirar fundo e voltar à tona, depois dos inúmeros caldos que vivemos a levar das ondas da vida.

Quem nunca teve medo não sabe o que é ter coragem. Porque tem horas que a vida é caverna escura mesmo. Não tem lanterna, nem vela, nem vagalume. Tem horas que falta luz em nós, por dentro e por fora. Seja porque cometemos enganos, falhamos demais com aqueles que mais confiavam na gente ou porque fomos irremediavelmente enganados, magoados ou feridos.

Mas, assim como tudo, a escuridão não dura eternamente. A dor é tão efêmera quanto a mais inebriante das alegrias. E quem for desarmado o suficiente para fazer do medo um aliado de trajeto, há de descobrir nas curvas mais fechadas do caminho a sua própria força. E quem, sabe, com um pouco mais de esforço, encontrar um jeito de compreender e aceitar que o outro, por mais ideal, forte e corajoso que pareça, também tem o direito de fraquejar.

 

"Ana Macarini é Psicopedagoga e Mestre em Disfunções de Leitura e Escrita. Acredita que todas as palavras têm vida e, exatamente por isso, possuem a capacidade mágica de serem ressignificadas a partir dos olhos de quem as lê!"
 
Retirado de Conti Outra

publicado por olhar para o mundo às 09:13
link do post | comentar | favorito
|
Sábado, 10 de Dezembro de 2016

Frases do Facebook - Não tenhas medo de começar do zero, tem medo de nunca começares

começar.jpg

 

Não tenhas medo de começar do zero, tem medo de nunca começares

 


publicado por olhar para o mundo às 21:13
link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 29 de Novembro de 2016

Frases de Fernando Sabino no Facebook - Façamos da interrupção um caminho novo, da queda um passo de dança ...

sabino.jpg

 

 

Façamos da interrupção um caminho novo, da queda um passo de dança, do medo uma escada, do sonho uma ponte, da procura um encontro

 

Fernando Sabino

 


publicado por olhar para o mundo às 08:13
link do post | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 17 de Novembro de 2016

Frases do Facebook - Quando faltar sorte, faz sobrar a atitude ... o azar morre de medo de pessoas determinadas

sorte2.jpg

 

 

 Quando faltar sorte, faz sobrar a atitude ... o azar morre de medo de pessoas determinadas

 


publicado por olhar para o mundo às 17:13
link do post | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 22 de Setembro de 2016

Alan Moore no Facebook - As pessoas não devem ter medo de seu governo. Os governos devem ter medo de seu povo.

people2.jpg

 

 

"People shouldn't be afraid of their government. Governments should be afraid of their people.”

 

As pessoas não devem ter medo de seu governo. Os governos devem ter medo de seu povo.


Alan Moore


publicado por olhar para o mundo às 17:13
link do post | comentar | favorito
|
Domingo, 4 de Setembro de 2016

Frases do Facebook - Cuidado com o medo, ele adora roubar sonhos

medo4.jpg 

 

Cuidado com o medo, ele adora roubar sonhos


publicado por olhar para o mundo às 08:13
link do post | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 19 de Agosto de 2016

Frases do Facebook - Não tenhas medo da mudança, ela assusta, mas pode ser a chave daquela porta na que tanto almejas entrar

mudança1.jpg 

 

Não tenhas medo da mudança, ela assusta, mas pode ser a chave daquela porta na que tanto almejas entrar


publicado por olhar para o mundo às 12:13
link do post | comentar | favorito
|
Sábado, 9 de Julho de 2016

Frases do Facebook - Não tenhas medo de pensar diferente dos outros, tem medo de pensar igual e descobrir que estão todos errados

Pensar

 

Não tenhas medo de pensar diferente dos outros, tem medo de pensar igual e descobrir que estão todos errados

 


publicado por olhar para o mundo às 21:13
link do post | comentar | favorito
|

Frases do Facebook - Se começas a ter medo do escuro qualquer dia tens medo dos dias cinzentos

medo.jpg

 

Se começas a ter medo do escuro qualquer dia tens medo dos dias cinzentos

 


publicado por olhar para o mundo às 08:13
link do post | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 1 de Julho de 2016

Frases do Facebook - Eu tenho medo de não ter tempo para cometer todas as loucuras que desejo

medo2.jpg

 

Eu tenho medo de não ter tempo para cometer todas as loucuras que desejo


publicado por olhar para o mundo às 21:13
link do post | comentar | favorito
|
Sábado, 28 de Maio de 2016

Frases do Facebook - é o medo que move o mundo, quando vencido move para a frente, quando vence move para trás

Medo

 

é o medo que move o mundo, quando vencido move para a frente, quando vence move para trás


publicado por olhar para o mundo às 17:13
link do post | comentar | favorito
|
Domingo, 8 de Maio de 2016

Frases do Facebook - Venho de tantas tempestades que perdi o medo da chuva

chuva3.png

 

Venho de tantas tempestades que perdi o medo da chuva

 


publicado por olhar para o mundo às 08:13
link do post | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 31 de Março de 2016

Frases do Facebook - Homofobia, medo de que os homens gays te tratem do modo que tu tratas as mulheres

homofobia.jpg

 

 Homofobia, medo de que os homens gays te tratem do modo que tu tratas as mulheres

 


publicado por olhar para o mundo às 08:13
link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 8 de Março de 2016

Lígia Guerra no Facebook - Passamos a derrubar muros e a construir pontes

Pontes

 

 

Quando alimentamos mais a nossa coragem do que os nossos medos

Passamos a derrubar muros e a construir pontes

 

Lígia Guerra


publicado por olhar para o mundo às 21:13
link do post | comentar | favorito
|
Sábado, 20 de Fevereiro de 2016

Umberto Eco no Facebook - Nada inspira mais coragem ao medroso do que o medo alheio

umberto eco5.png

 

Nada inspira mais coragem ao medroso do que o medo alheio

Umberto Eco

 


publicado por olhar para o mundo às 23:13
link do post | comentar | favorito
|

Frases do Facebook - não tenhas medo da mudança, ela assusta, mas pode ser a chave daquela porta que tanto queres abrir

mudança.jpg

 

não tenhas medo da mudança, ela assusta, mas pode ser a chave daquela porta que tanto queres abrir

 


publicado por olhar para o mundo às 17:13
link do post | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 28 de Janeiro de 2016

Frases do Facebook - Tiram-nos tanto tanto, que acabarão por nos tirar o medo

Tiram-nos tanto tanto, que acabarão por nos tirar o medo

 

Tiram-nos tanto tanto, que acabarão por nos tirar o medo


publicado por olhar para o mundo às 12:13
link do post | comentar | favorito (1)
|
Segunda-feira, 4 de Janeiro de 2016

Rafael Chirbes - O Medo de Acabar Só

Rafael Chirbes.jpg

 

O Medo de Acabar Só

Há muitos que não fazem mais do que discutir e bulhar o dia inteiro, e depois surpreendem-se com qualquer mudança numa situação que consideram segura porque estável. O rancor é uma boa forma de garantir companhia, o poder de lançar à cara de alguém, todos os dias, o mal que nos fez: isso cria estabilidade. As pessoas pensam: que hei de fazer? Ficar sozinho? Ouve-los falar e parece ser isso o que mais temem: ficarem sós. A solidão. O abandono. Palavras tristes ou ameaçadoras. Terríveis: logo verás o que é a velhice, se cometeres o erro de ficar solteiro. Assustam-te com isso. Dizem-te: se continuas assim, vais ficar sozinho. É horrível morrer sozinho, como um cão, dizem. E parece ser essa a pior desgraça; há que morrer, sim, toda a gente tem de morrer, mas acompanhado, e não como um cão. Morrer sozinho é desolador, é indecente, revela uma falha humana (do ser humano, como diria Francisco: a expressão comove) que deve ser dissimulada, mantida na sombra.

Rafael Chirbes, in "Na Margem"
 
Retirado de Citador

publicado por olhar para o mundo às 09:13
link do post | comentar | favorito
|
Domingo, 3 de Janeiro de 2016

Frases do Facebook - Vai. E se tiveres medo, vai mesmo com medo

Medo

 

 Vai. E se tiveres medo, vai mesmo com medo


publicado por olhar para o mundo às 17:13
link do post | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 17 de Dezembro de 2015

Frases do Facebook - Venho de tantas tempestades que perdi o medo da chuva

Chuva

 

 

Venho de tantas tempestades que perdi o medo da chuva


publicado por olhar para o mundo às 21:13
link do post | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 9 de Dezembro de 2015

Paulo Coelho no Facebook - Quantas coisas já perdi só porque tinha medo de as perder

Perder

 

 

Quantas coisas já perdi só porque tinha medo de as perder

Paulo Coelho


publicado por olhar para o mundo às 08:13
link do post | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 4 de Dezembro de 2015

Carlos Castán - Tremo Sempre Diante do Amor

carloscastan.jpg

 

Tremo Sempre Diante do Amor

Nadia, deves ter visto a falta de jeito com que no último momento te pedi o número do telefone e este endereço de correio eletrónico para onde te escrevo, e deves ter-te apercebido também da peregrina desculpa: os dois sabemos que podes conseguir de mil outras maneiras diferentes 05 livros que fiquei de te emprestar. Há-os em muitos lados. Toda a gente os tem. Pode até acontecer que já façam parte da tua biblioteca há anos e que neste momento estejas a olhar as suas lombadas da cadeira onde estás sentada enquanto me lês; e também pode acontecer, na realidade não me admiraria nada, que seja eu quem não os tem nem os teve nunca. Durante o jantar não conseguia tirar os olhos de ti, mas isso já tu sabes. Perante isso, apenas posso esperar que o resto dos comensais, especialmente os teus amigos, não se tenham apercebido de até que ponto me eram indiferentes as restantes pessoas e conversas. Como viste, tenho já um longo caminho percorrido. Sou um homem com passado, como se costuma dizer, embora isso não faça com que seja mais fácil para mim escrever uma carta como esta. Porque isto é uma carta, não é verdade? Por mais que chegue a ti por intermédio de umas ondas misteriosas no ar e de toda a panóplia de tomadas e de cabos, tremo sempre diante do amor. E não te assustes com a palavra que estou a usar. É a falta de outra para nos entendermos melhor, embora talvez não seja de modo algum inadequada se pensar em como tens estado a ocupar a minha cabeça desde a noite do jantar, em como regressei a casa assobiando de contente e ao mesmo tempo aterrado. Mas não tenhas medo, mesmo que agora te oferecesse a minha vida inteira, sem procurar avaliar o apetecível ou não de semelhante oferta, é evidente que do ponto de vista da quantidade ia ser bastante pouco.

Em certas idades, dar a vida já ê dar apenas nada. Corrijo se preferires: tremo sempre perante a ideia de uma história que começa, tal como quando era um aluno com pouco mais de três palmos de altura, como sucede nesta noite em que te escrevo, já velho, com pelos nos nós dos dedos e uns óculos sem os quais não veria nada diante do nariz, operado a uma montanha de coisas, meio apodrecido por dentro. Especialmente tremo quando, como agora, o assunto está naquela fase em que, pelo menos no papel, ainda pode ser tudo ou nada, que acabe por entregar-te o que me resta de vontade e de tempo, desde aqui até cair o pano, ou então que não te torne a ver. Sem desdenhar, como ê evidente, nenhuma das maravilhosas possibilidades intermédias que têm a ver com vires a minha casa de vez em quando ouvir música sem complicações, deixares-te cair no mesmo sofá em que agora me faltas, deixar que te dispa. Mas o caso ê que há uma moeda no ar, caindo há dias em câmara lenta, e é isso que me faz tremer e implorar a não sei que deuses que caia com aquela face que não me condene a sonhar-te apenas.

Carlos Castán, in 'Má Luz'
 
Retirado de Citador

publicado por olhar para o mundo às 09:13
link do post | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 27 de Novembro de 2015

José Luís Nunes Martins - O Medo do Fim

 

O Medo do Fim

Alguns pensam que a felicidade é a ausência de sofrimento... mas, na verdade, está errada essa ideia. A felicidade e o sofrimento são ambos pilares fundamentais da existência. Sem sofrimento a nossa humanidade não seria provada e os nossos dias não teriam valor. Assim também a felicidade, sendo a alegria mais profunda, é o que dá sentido a todas as noites... não são realidades que se possam medir, mas não deixam de ser algo tão concreto como as nossas duas mãos, que sempre trabalham em conjunto, sabendo cada uma o seu papel e o seu valor.

Evitar a dor não nos torna mais fortes.

Tememos as perdas. Tememos a morte. Talvez porque o nada é um abismo que assusta todos quantos têm uma vida com valor. Porque somos impelidos a defender o significado do que erguemos aqui. Não se quer aceitar que tudo quanto se construiu, durante uma vida, seja suprimido sem deixar rasto. Quantas vezes não é o momento do fim que se teme, mas antes o que se pode fazer até lá?  

Caminhar rumo ao desconhecido é uma prova de coragem e de fé diante das evidências deste mundo. Os olhos não querem ver nem as pernas caminhar, mas o caminho faz-se pela ousadia de acreditar e esperar ainda mais, ainda melhor.

Também há quem tema o fim por não saber lidar com momentos de balanço sérios às suas decisões e gestos, à forma como conduz a sua vida, àquilo que, afinal, escolheu ser... apesar de tudo. Nestas alturas de julgar as obras, neste tempo de verdade, há edificações interiores que se revelam... fragilidades e podridões que se manifestam, e que tememos que sejam... determinantes.

Há quem julgue que a profundidade da vida é coisa de histórias infantis... e oriente a sua existência rumo à superficialidade do ter: ao dinheiro, poder, títulos, casas, carros, festas, prazeres imediatos... Anulam-se. Desprezam-se, desprezando os outros, ignoram a possibilidade concreta de serem felizes, lá desde o fundo do seu bom coração de criança.

No final, o que importa mesmo é que tenhamos tido a força de fazer chegar aos outros o sorriso único que cada um traz no fundo de si... A essência. A alma. O amor. Quem não se ensinou a si próprio a viver assim, não estará preparado para viver depois do fim...

Só podemos compreender a plenitude da nossa identidade num horizonte de eternidade, na esperança da existência de um céu muito concreto. Um céu de que este mundo faz parte. Um céu que está próximo. Que se pode tocar aqui mesmo. Que se revela em cada gesto de sofrimento... e de amor.

Há que viver a certeza da esperança de que por detrás do que vemos não existe um nada, mas algo de muito bom. Não há esperança firme na vida enquanto não se a estender ao que está para além do que podemos conhecer aqui. Se nos reduzimos ao que somos nesta vida, então não somos nada. Esta vida é demasiado breve e limitada. Talvez a terra só exista para manifestar o céu.

O mistério da vida revela-se a cada momento. A eternidade está toda aqui e agora. Morremos a cada dia, mas também amamos e, por isso, todos os dias criamos algo de novo que não morrerá nunca.

O amor é a prova absoluta da eternidade. Não pode ser destruído, muito menos num instante só. Quem ama, sabe que vive... para sempre.

José Luís Nunes Martins, in 'Amor, Silêncios e Tempestades'

 
Retirado de Citador

publicado por olhar para o mundo às 09:13
link do post | comentar | favorito
|

Direitos de Autor


Todas as imagens que estão no blog foram retiradas do Facebook, muitas delas não tem referência ao autor ou à sua origem, se porventura acha que tem direitos sobre alguma e o conseguir provar, por favor avise-me que será retirada de imediato.

.mais sobre mim

.pesquisar

 










Direitos de Autor


Todas as imagens que estão no blog foram retiradas do Facebook, muitas delas não tem referência ao autor ou à sua origem, se porventura acha que tem direitos sobre alguma e o conseguir provar, por favor avise-me que será retirada de imediato

.posts recentes

. Frases do Facebook - Algu...

. Frases do Facebook - O me...

. Gustavo Santos - O Medo d...

. Frases de Edgar Allan Poe...

. Frases do Facebook - Não ...

. Frases do Facebook - Não ...

. Frases do Facebook - Que ...

. Ana Macarini - Quem nunca...

. Frases do Facebook - Não ...

. Frases de Fernando Sabino...

.mais comentados

.últ. comentários

Impossível esquecer pelo menos no meu coração
Esse texto é de autoria de Haredita Angel.
Verdade ,que muitas custa muito a aceitar e compre...
É único na forma simples como escreve sentimentos ...
E diz você que o tonto é o MEC... Caso para dizer:...
A amizade é tudo o que há de mais belo... pode se...
Só pode escrever assim quem já se deu o tempo de s...
Muito bem dito. .como de costume. Parabéns e obrig...
Completamente de acordo. Sentimentos não se esquec...
Belo texto, pois dá que pensar. Ninguém escapa a i...

.tags

. imagem

. facebook

. frases

. pensamentos

. vídeo

. música

. lyrics

. letra

. vida

. textos

. amor

. humor

. anedota

. piada

. pessoas

. mulher

. imagens do facebook

. cartoon

. felicidade

. amar

. miguel esteves cardoso

. coração

. homem

. imagens

. mulheres

. tempo

. viver

. poesia

. crianças

. política

. mundo

. fernando pessoa

. mia couto

. educação

. poema

. ser feliz

. filhos

. sonhos

. criança

. aprender

. natal

. mãe

. palavras

. liberdade

. pensar

. animais

. medo

. pensamento

. amigos

. portugal

. silêncio

. paz

. caminho

. respeito

. alma

. dinheiro

. mafalda

. clarice lispector

. josé saramago

. ser

. recados

. ricardo araújo pereira

. amizade

. coragem

. morte

. país

. sorrir

. dor

. homens

. mudar

. beleza

. fazer

. feliz

. passado

. povo

. religião

. sentimentos

. verdade

. escolhas

. pais

. coisas

. cultura

. desistir

. falar

. livros

. adopção

. dia dos namorados

. educar

. sabedoria

. chuva

. gente

. osho

. sexy

. sorriso

. augusto cury

. josé luís nunes martins

. pessoa

. saudade

. amigo

. carácter

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds