Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Pontos de Vista

Porque tudo na vida tem um ponto de vista

Pontos de Vista

Porque tudo na vida tem um ponto de vista

31
Ago16

Gustavo Santos - Faz Acontecer

olhar para o mundo

Faz Acontecer

Mais vale uma única ação rumo ao que desejas do que dez palavras ditas, cem frases escritas ou mil pensamentos iguais.

As coisas não acontecem pelo número de vezes que as dizes, escreves ou pensas nelas; as coisas acontecem por aquilo que tu fazes para elas acontecerem.

Nada acontece porque, e por exemplo, afirmas que amanhã é que vais começar a perder peso ou porque desabafas sistematicamente para o papel todas as tuas tristezas ou porque não paras de pensar naquilo que te faria bem. Nada. Rigorosamente nada. O que dizes é zero se não deres forma às tuas palavras. O que escreves é nulo se não existir compromisso para além das palavras. E o que pensas não vale nada se não deres vida aos pensamentos.

As palavras faladas ou escritas têm uma força poderosíssima, é indesmentível, assim como tudo aquilo que pensamos. No entanto, sem ação, sem criação em movimento, de nada valem. O sumo de todas as conversas que tens, de todos os livros que lês ou de todos os diários que escreves e todas as ideias que te pincelam a cabeça, resume-se a nada se daí não se originar mudança.

E não há mudança sem saíres do conforto.

Os mais iluminados dir-te-ão que de olhos fechados, e sem sair de onde estás, conseguirás atingir resoluções fantásticas para a tua vida, visitar mundos novos e aceder a ideias revolucionárias que podem mudar a realidade onde vives. Concordo, concordo tanto, mas agora experimenta não passar daí, não dar aquele passo em frente que distingue quem quer uma coisa de quem realmente a deseja. Experimenta. Resolveste verdadeiramente alguma coisa com alguém? Foste de facto a algum lado? Tocaste, cheiraste, provaste, sentiste? E viste mesmo nascer algo extraordinário só por teres os olhos fechados? Não, pois não? Então estamos de acordo. Agora experimenta dizer a alguém, cara a cara, o que sentiste vontade de dizer quando estavas metido para dentro de ti no sofá, na cama ou seja onde for. Experimenta comprometer-te com uma viagem, com um lugar, define esse objetivo e a respetiva estratégia de forma a sentires-te mais perto desse destino todos os dias. E, por exemplo, experimenta pintar o que visualizaste, cantar para fora o que te ouviste entoar para dentro e mudar este ou aquele comportamento, sim, experimenta dar asas, cor, forma e tom à tua criação e verás a diferença entre quem age e quem apenas imagina.

Dito isto, parece-me fundamental que te ponhas a mexer.

Só assim conseguirás mudar a tua vida de um momento para o outro.

Gustavo Santos, in 'Ama-te'
 
retirado de citador

Direitos de Autor


Todas as imagens que estão no blog foram retiradas do Facebook, muitas delas não tem referência ao autor ou à sua origem, se porventura acha que tem direitos sobre alguma e o conseguir provar, por favor avise-me que será retirada de imediato.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D