Segunda-feira, 28 de Novembro de 2016

Mundo bom se faz com bondade - Raquel Alves

mundo bom.jpeg

 

 

Quem é mais conhecido nos dias de hoje? A Madre Teresa de Calcutá ou Hitler? A Irmã Dulce ou Osama Bin Laden?


De alguma maneira parece que a força dos maus é superior à força dos bons. Pois aqueles que se dedicam à bondade seguem a voz da própria alma. Se alimentam da simplicidade, da compaixão e do amor. Já aqueles que se tornaram ícones da maldade humana foram atraídos pela ganância, e pelo poder. A bondade alimenta o indivíduo que a pratica.

 

A maldade alimenta o poder e o domínio do seu líder. Por isso a herança de horror e sofrimento vividos na era da Alemanha nazista carrega uma força muito superior ao legado de bondade deixado pela Madre Teresa de Calcutá. É uma questão de escala. Os praticantes da maldade, ao longo da história da humanidade, conseguiram atingir muito mais gente que os que se dedicaram à paz e à bondade.

 

Os homens são dotados de inteligência estratégica certamente para um objetivo positivo. Mas essa mesma inteligência, se aliada ao desejo negativo, pode provocar as maiores atrocidades… Por isso que a história humana já assistiu explosões de bombas atômicas, guerras, escravidões, golpes militares e demais horrores. E a herança deixada no rastro do tempo demora a se dissipar.
 

Mundo bom se faz com bondade. Não importa em que escala. Creio que o futuro que queremos está nas mãos de vários que, pouco a pouco semeiam beleza e paz no mundo. Meu pai contava que numa visita à Italia conheceu um pé de caqui “neto” de um raro sobrevivente das explosões das bombas atômicas de Hiroshima e Nagasaki. Emocionado, pediu autorização para pegar três folhas da frondosa árvore e as enquadrou, como símbolo de vida. Hoje elas estão comigo na minha sala. Não podia ser diferente… Árvores são mansas e têm o dom de se reconstruir lentamente, sem esperar que outros a assistam.

 

Como Alberto Caeiro escreveu:
Sejamos simples e calmos,
como os regatos e árvores,
e Deus amar-nos-á fazendo de nós
belos como as árvores e os regatos,
e um rio aonde ir ter quando acabemos…

 

Eu sonho com um mundo manso e pacífico… Espero que a natureza seja a nossa mestra até que a força dos bons deixe a maldade cair no esquecimento…

 

Arquiteta por formação, hoje dedica-se integralmente a presidir o Instituto Rubem Alves, criado para manter vivo o pensamento de seu pai, difundir a sua obra e capacitar novos mestres.
 
Retirado de Revista Pazes
 
 

publicado por olhar para o mundo às 09:13
link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 16 de Julho de 2015

Pablo Neruda - Luto pela Bondade

 

Luto pela Bondade

Quero viver num mundo sem excomungados. Não excomungarei ninguém. Não diria, amanhã, a esse sacerdote: «Você não pode baptizar ninguém porque é anticomunista.» Não diria ao outro: «Não publicarei o seu poema, o seu trabalho, porque você é anticomunista.» Quero viver num mundo em que os seres sejam simplesmente humanos, sem mais títulos além desse, sem trazerem na cabeça uma regra-, uma palavra rígida, um rótulo. Quero que se possa entrar em todas as igrejas, em todas as tipografias. Quero que não esperem ninguém, nunca mais, à porta do município para o deter e expulsar. Quero que todos entrem e saiam sorridentes da Câmara Municipal. Não quero que ninguém fuja em gôndola, que ninguém seja perseguido de motocicleta. Quero que a grande maioria, a única maioria, todos, possam falar, ler, ouvir, florescer. Nunca compreendi a luta senão como um meio de acabar com ela. Nunca aceitei o rigor senão como meio para deixar de existir o rigor. Tomei um caminho porque creio que esse caminho nos leva, a todos, a essa amabilidade duradoura. Luto pela bondade ubíqua, extensa, inexaurível. De tantos encontros entre a minha poesia e a polícia, de todos esses episódios e de outros que não contarei porque repetidos, e de outros que não aconteceram comigo, mas com muitos que já não poderão contá-los, resta-me no entanto uma fé absoluta no destino humano, uma convicção cada vez mais consciente de que nos aproximamos de uma grande ternura. Escrevo sabendo que sobre as nossas cabeças, sobre todas as cabeças, existe o perigo da bomba, da catástrofe nuclear, que não deixaria ninguém nem nada sobre a Terra. Pois bem: nem isso altera a minha esperança. Neste momento crítico, neste sobressalto de agonia, sabemos que entrará a luz definitiva pelos olhos entreabertos. Entender-nos-emos todos. Progrediremos juntos. E esta esperança é irrevogável.

Pablo Neruda, in "Confesso que Vivi"
 
Retirado de Citador

publicado por olhar para o mundo às 08:13
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 19 de Junho de 2015

José Saramago - A Revolução da Bondade

 

A Revolução da Bondade

Acho que a grande revolução, e o livro «Ensaio sobre a Cegueira» fala disso, seria a revolução da bondade. Se nós, de um dia para o outro, nos descobríssemos bons, os problemas do mundo estariam resolvidos. Claro que isso nem é uma utopia, é um disparate. Mas a consciência de que isso não acontecerá, não nos deve impedir, cada um consigo mesmo, de fazer tudo o que pode para reger-se por princípios éticos. Pelo menos a sua passagem pelo este mundo não terá sido inútil e, mesmo que não seja extremamente útil, não terá sido perniciosa. Quando nós olhamos para o estado em que o mundo se encontra, damo-nos conta de que há milhares e milhares de seres humanos que fizeram da sua vida uma sistemática acção perniciosa contra o resto da humanidade. Nem é preciso dar-lhes nomes.

José Saramago, in " Folha de S. Paulo, Outubro 1995"

publicado por olhar para o mundo às 08:13
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 24 de Abril de 2015

Leon Tolstoi no Facebook - Não existe grandeza onde não há simplicidade, bondade e verdade

Grandeza

 

Não existe grandeza onde não há simplicidade, bondade e verdade

Leon Tolstoi


publicado por olhar para o mundo às 20:13
link do post | comentar | favorito

Direitos de Autor


Todas as imagens que estão no blog foram retiradas do Facebook, muitas delas não tem referência ao autor ou à sua origem, se porventura acha que tem direitos sobre alguma e o conseguir provar, por favor avise-me que será retirada de imediato.

.mais sobre mim

.pesquisar

 




Direitos de Autor


Todas as imagens que estão no blog foram retiradas do Facebook, muitas delas não tem referência ao autor ou à sua origem, se porventura acha que tem direitos sobre alguma e o conseguir provar, por favor avise-me que será retirada de imediato

.posts recentes

. Mundo bom se faz com bond...

. Pablo Neruda - Luto pela ...

. José Saramago - A Revoluç...

. Leon Tolstoi no Facebook ...

.últ. comentários

se pode encontrar referencias como Carlos Malato o...
Que amor e gratidão tão sentidos.Um privilégio ler...
.....nevegar?
Estou cansado de ver esta frase no Facebook atribu...
Maomé matou numa semana uma tribo inteira de judeu...
Lamento mas o texto não é de Santo Agostinhohttp:/...
Ola Jorge,Muito grata por sua pronta resposta e po...
OláJá corrigi o post e atribuí o nome correcto na ...
Olá, quero deixar registrado aqui que esta frase d...
Um grande politico.Uma grande perda para Portugal.

.arquivos

. Outubro 2018

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

.tags

. imagem

. facebook

. frases

. pensamentos

. vídeo

. música

. lyrics

. letra

. vida

. textos

. amor

. humor

. anedota

. piada

. pessoas

. mulher

. imagens do facebook

. cartoon

. felicidade

. amar

. coração

. homem

. miguel esteves cardoso

. viver

. tempo

. mia couto

. mulheres

. imagens

. poesia

. mundo

. ser feliz

. crianças

. política

. fernando pessoa

. educação

. filhos

. poema

. sonhos

. aprender

. criança

. mãe

. animais

. palavras

. pensar

. liberdade

. medo

. natal

. respeito

. silêncio

. caminho

. amigos

. pensamento

. paz

. portugal

. dinheiro

. ser

. alma

. clarice lispector

. dor

. sorrir

. josé saramago

. mafalda

. mudar

. passado

. coragem

. recados

. amizade

. desistir

. escolhas

. beleza

. morte

. ricardo araújo pereira

. falar

. fazer

. feliz

. homens

. país

. pais

. coisas

. cultura

. povo

. religião

. sabedoria

. sentimentos

. verdade

. educar

. livros

. sorriso

. chuva

. ensinar

. problemas

. saudade

. acreditar

. olhar

. osho

. pessoa

. sentir

. abraço

. adopção

. chorar

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds